Mamãe personalidade

Mamãe personalidade

 

Recebi um convite muito especial no último mês.  A Bianca, do blog Antonella Fashion me convidou para contar um pouco da minha rotina e de como eu divido o meu dia a dia de mãe e de trabalhadora desse Brasil. Copio o relato abaixo, mas convido a todos a entrarem no blog da Bianca, a quem eu agradeço mais uma vez pelo convite.

“Quando a Bianca me contou que agora o blog teria um espaço para falar das mamães e suas carreiras fiquei bem empolgada. Quando me convidou para ser uma delas, fiquei mais feliz ainda.

Então, deixe me apresentar. Sou a Vanessa Martini, tenho 35 anos e sou jornalista. Mas nos últimos sete meses sou mais conhecida como a mãe do Theo.

Me formei na Universidade Católica de Pelotas em 2005 e sempre trabalhei na área da comunicação. Entre estágios e carteiras assinadas, lá se vão 13 anos de trabalho. Nesse tempo, atuei em televisão, assessoria de imprensa, rádio e produção de eventos. Nos últimos quatro anos minha dedicação foi ao impresso, quando assumi como repórter e editora de um caderno jovem do grupo RBS, em Porto Alegre.

Quem me conhece sabe que sempre fui movida pelo trabalho. Mesmo em férias, estava sempre ligada nas novidades que poderiam agregar aos meus projetos. Lia e-mails no final de semana, trazia trabalho para casa… não desligava.

Sempre achei que eu nunca seria aquela mulher que iria deixar de trabalhar para apenas cuidar do filho. Tinha convicção que cada coisa tinha um papel diferente em minha vida e eu saberia lidar com isso.

Então o Theo chegou e me fez rever esses conceitos. Durante os meses em que passei de licença pude pensar e avaliar as minhas prioridades. Foi nesse período que tive a oportunidade de realizar alguns trabalhos em parceria com a Bárbara e a Gabi Chanas. No Happy Baby Hour, projeto que reunia gravidinhas para dividir experiências e momentos de lazer, pude conhecer muitas mamães de diferentes rotinas e agregar um pouquinho do ensinamento de cada uma pro meu dia-a-dia.

Confesso que ao mesmo tempo que eu queria voltar a trabalhar, ver pessoas diferentes, sair para almoçar, colocar uma roupa legal (e não ficar 70% do meu dia de pijama), sentia uma vontade enorme de jogar tudo para o alto e ficar ao lado dele.

Acabei voltando ao trabalho após esse tempo e meu marido e eu tivemos que reorganizar nossas vidas. Acordávamos mais cedo, levávamos ele para minha mãe (pois havia decidido que ela ficaria com ele até o primeiro aninho de vida), ia para o trabalho, buscava ele no final do dia, dava janta, banho, cama.. ufa! Uma verdadeira maratona.

Nem um mês do meu retorno, acabei saindo da empresa. Uma reformulação geral no quadro de funcionários me deu o empurrão que precisava para fazer algo por mim. Sempre tive vontade de empreender e ser dona do meu nariz. Mas às vezes faltava coragem ou mesmo tempo e dedicação necessárias.

Esses primeiros dias estão sendo de readaptação, mas como disse lá no início, sempre fui muito ativa e a cabeça já está cheia de planos. Um a um quero colocá-los em prática, aos poucos, sem culpa ou pressão.

Quero aproveitar essa chance que a vida está me dando de cuidar do meu bebê na fase que ele mais precisa de mim. E estamos aproveitando ao máximo!

Em breve voltarei aqui para contar novidades e espero que vocês me acompanhem nesse novo trajeto. Adoro conhecer gente nova e trocar ideias e experiências. Ainda mais nesse mundo tão vasto como o da maternidade.

beijos, Vanessa Martini”

foto: Andressa Barros Fotografia

  • Silvia Ferreira

    Vanessa, acho que estamos em sintonia, rsrsrs
    Estou passando por isso também, voltar ou não voltar a trabalhar, a vontade de vestir roupas legais e sair do cotidiano de pijamas e abrigos com tênis.
    Ainda não voltei, mas estou ansiosa pelo “empurrãozinho”!
    Estou te acompanhando, igual novela rsrsrsr, e ansiosa pra saber das novidades!
    Bjs no Théo!
    Silvia e Pi!