O brinquedo certo para cada idade

O brinquedo certo para cada idade

 

Parece mentira, mas estamos há 30 dias do Natal. Todo ano nessa época eu digo como passou rápido, e parece que a cada ano isso se intensifica.
Então, está na hora de fazer a lista de presentes da família e sair as compras (dica: tente não deixar para a última hora).

Para quem tem muitas crianças em casa, a melhor opção sempre é brinquedo. Não tem como errar. Veja a melhor opção para cada fase da criança.

brinquedos-ideais-para-criancas-de-6-a-10-meses-353940-3
Dos 6 aos 9 meses
Quase todos os neurônios estão presentes no nascimento, mas a maioria não está conectada em redes. Assim, devem ser escolhidos brinquedos que despertem a visão, a audição, o toque, o gosto e o cheiro.

images Brinquedos-educativos-para-crianças-a-partir-de-3-anos-2-300x300

Até 3 anos
A criança está mais sensível ao desenvolvimento socioemocional e as capacidades motoras a levam a aventurar-se em brincadeiras mais complexas. Tintas e colagens, blocos de montagem e formas geométricas de encaixe são bem-vindos.

images (1) foto-21

Dos 3 aos 6 anos
É o período mais rápido para o desenvolvimento da rede de sinapses. A criança torna-se mais sociável e gosta de brincadeiras coletivas. Brincar de casinha, de teatro, de bicicleta, fazer trabalhos manuais, modelagem em massinhas e jogos com regras e objetivos bem elaborados são boas dicas.

images (2)
Dos 6 aos 9 anos
Inicia-se um controle cerebral mais sofisticado e a criança já é capaz de realizar diversas tarefas sozinha. Surge um interesse maior por jogos eletrônicos. Nesta fase, são interessantes os jogos de formar palavras e de manejo com dinheiro.

images (3)

Dos 9 aos 12 anos
Nesta idade, as crianças começam a entender o pensamento científico. Encenar peças de teatro, pintar, tocar instrumentos são interessantes. Batalha naval, jogos de tabuleiros que cálculos, custos e lucros, jogos de conhecimentos gerais e os videogames também são indicados.

 

Fonte: Lidia Weber, professora da UFPR e autora de 12 livros, incluindo EDUQUE COM CARINHO da editora Juruá para o jornal Gazeta do Povo (Curitiba)