O que preciso saber sobre a vacina Meningo B

O que preciso saber sobre a vacina Meningo B

 

Desde de maio a vacina que protege contra a meningite do tipo B – contra o Meningococo tipo B – está disponível nas clínicas particulares no Brasil. Como toda vacina nova, ainda gera muitas dúvidas nas mamães sobre sua importância, segurança e número de doses que devem ser aplicada. Por isso resolvemos esclarecer algumas dúvidas aqui. (Cabe salientar que a conversa com o pediatra é importante para definir o melhor momento de iniciar a vacinação em seu filho).

O QUE É?
O meningococo B é um dos principais causadores de meningite bacteriana no mundo. Para ter uma ideia da gravidade da doença, de cada dez casos, dois são fatais. As meningites bacterianas, que representam de 20% a 40% das meningites, são consideradas as mais graves, devem ser tratadas com antibióticos e requerem hospitalização em UTI, devido à alta taxa de mortalidade. O que a torna ainda mais traiçoeira é o fato de que seus sintomas são facilmente confundidos com os de uma virose, por exemplo. O paciente, a princípio, pode ter febre, náusea, vômito, dor de cabeça, cansaço e irritabilidade. Podendo apresentar manchas arroxeadas na pele, rigidez na nuca e sensibilidade à luz.
Até agora não existia nenhum tipo de imunização contra a doença, considerada de grande letalidade por conta da rápida evolução do quadro clínico após a infecção.

COMO É TRANSMITIDA?
A transmissão da doença acontece por meio de secreção respiratória (presente na saliva, espirro e tosse).

QUEM PODE SE VACINAR?
Crianças a partir de 2 meses, adolescentes e adultos até 50 anos de idade.

ESQUEMA DE DOSES:
Crianças de 2 a 5 meses: três doses com intervalo de 2 meses entre as doses e um reforço entre 12 e 23 meses.

Crianças entre 6 e 11 meses: duas doses com intervalo de 2 meses e reforço no segundo ano de vida, com intervalo mínimo de 2 meses da última dose.

Crianças entre 12 meses e 10 anos de idade: duas doses com intervalo de dois meses.

Crianças a partir de 11 anos, adolescentes e adultos: duas doses com intervalo de um mês.

REAÇÕES
Dor, vermelhidão, inchaço e calor no local da aplicação) e febre, principalmente nas seis primeiras horas após a vacinação, que geralmente regride em 72 horas.

INFORMAÇÕES TÉCNICAS
Nome comercial: Bexsero
Indicação: proteção contra doença meningocócica invasiva (meningite, meningococcemia) causada pelo meningococo do tipo B.
Contraindicações: Apenas as contraindicações gerais de todas as vacinas: quadro febril agudo ou alergia grave (anafilaxia) a um dos componentes da vacina.
Via de aplicação: Intramuscular.

QUAL A DIFERENÇA ENTRE A MENINGOCOCO E A ACWY?
Ambas oferecem proteção contra as doenças meningocócias, porém para sorogrupos diferentes. A utilização da ACWY é para crianças a partir de um ano e o esquema vacinal também é diferente.